Cultura
Em Fortaleza
Teatro Carlos Câmara inicia nesta quarta, 7/12, novo programa, "Cine Clube"
Compartilhar

O Teatro Carlos Câmara apresenta, a partir desta quarta-feira, 7/12, às 12h30, o "Cine Clube", uma das novas ações que fazem parte da nova programação do teatro, em parceria entre a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) e o grupo Teatro (Foto: Reprodução)

Em 07/12/2016 às 15:40
Publicidade

O Teatro Carlos Câmara apresenta, a partir desta quarta-feira, 7/12, às 12h30, o "Cine Clube", uma das novas ações que fazem parte da nova programação do teatro, em parceria entre a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará  (Secult) e o grupo Teatro Máquina. Ao longo de dezembro serão exibidos nove curtas metragens, três a cada semana, com a temática "Fortaleza para existir e resistir", sempre com entrada franca. A curadoria é de Renata Cavalcante.

ÀS 12h30 desta quarta-feira o primeiro filme a ser exibido é "Peixes no Asfalto", de Clébson Oscar, lançado em 2016. "Céu é céu. Cada um é um todo particular e singular. Indivíduo. Saudade é saudade", destaca a sinopse do filme. Em seguida vem "Além da Rua", de Natália Viana, de 2010, filme de ficção que conta a história de Leo, um menino do bairro Otávio Bonfim, passeando por este e outros espaços de Fortaleza. Fechando a programação desta quarta, será exibido "Proibido Pular", de Lucas Coelho, filme de 2012, que aborda a Praia de Iracema.

Publicidade


Outros destaques: Gustavo Portela, Teatro de Caretas, IFCE e Formosura

Entre outros destaques da programação desta semana no Teatro Carlos Câmara está o show do cantor, compositor e multiinstrumentista cearense Gustavo Portela, na sexta-feira (09), às 12h30, com o espetáculo “Banzo – a canção da saudade”. O show será o segundo apresentado nestes novos dia e horário no TCC, que terá sempre espetáculos musicais às sextas-feiras, no intervalo de almoço, como forma de facilitar o acesso a estudantes, trabalhadores e demais frequentadores do Centro da cidade.

Publicidade


Esta semana também estreia a temporada de Teatro de Rua. O Grupo Teatro de Caretas fica em cartaz com a peça "Final da Tarde", durante as sextas-feiras, às 16h30. Ainda na sexta-feira, a XXII Turma de Teatro do IFCE apresenta mais um dos trabalhos de conclusão do curso de Licenciatura, “Olaria”, às 19h.

>> Segue em cartaz: Temporada do espetáculo “Os Miseráveis”, do Grupo Formosura de Teatro, sempre às quintas-feiras, em dois horários, 12h30 e 18h. E, aos domingos, a temporada de teatro infantil com a peça “Pedro, Que Horas São?”, do Coletivo Paralelo, às 10h.


Toda a programação tem entrada franca. Confira todas as atrações de 7 a 11 de dezembro:

► QUARTAS FEIRAS

CINEMA // CINE CLUBE

Dia 07 de Dezembro às 12h30.

Curtas Metragens | Tema: Fortalezas para existir e resistir
Curadoria: Renata Cavalcante

Peixes no Asfalto
Direção: Clébson Oscar, 13’15”, HD, 2016
Sinopse: Céu é céu. Cada um é um todo particular e singular. Indivíduo. Saudade é saudade.

Além da Rua
Direção: Natália Viana, ficção, 20´, HDV, 2010,
Fortaleza-Brasil Sinopse: Após pegar escondido uma câmera fotográfica de seu pai, Leo e seus amigos brincam, vivenciando os espaços de Otávio Bonfim, bairro de classe média baixa de Fortaleza, onde mora, passeando pelos lugares por ele já conhecidos e descobrindo outros.

Proibido Pular
Direção: Lucas Coelho, 2012, 3´10,
Filme Ensaio Sinopse: praia de Iracema. um lugar cheio de vida.

► QUINTAS FEIRAS

TEATRO // TEMPORADA

Dias 08, 15, 22 de Dezembro | Sessões às 12h30 e 18h30.

Espetáculo Os Miseráveis: O Oléo da Máquina - Grupo Formosura de Teatro

Local: Palco Principal Teatro Carlos Câmara

Duração: 60 minutos

Classificação: 14 anos

Sinopse: A partir do romance de Victor Hugo, o espetáculo é o resultado de pesquisa do grupo sobre o boneco geminado em parceira com o bonequeiro Duda Paiva na III edição do Laboratório de Pesquisa Teatral da Porto Iracema das Artes. Em cena, três atores e três músicos constroem a metáfora cênica para mostrar o inferno das desigualdades sociais com bonecos geminados, que é uma técnica de manipulação onde a interação ator/personagem/boneco acontece de forma singular.

Entrevistas: Graça Freitas | Telefone: (85) 99946-6198 | (85) 98509-3608 | (85) 3295-6939 | E-mail maria.grupoformosura@gmail.com

► SEXTA-FEIRA

MÚSICA //  APRESENTAÇÃO

Dia 09 de Dezembro | 12h30

Show Banzo, A canção da Saudade – Gustavo Portela

Local: Palco Principal Teatro Carlos Câmara

Classificação: Livre

Sinopse: Banzo era como se chamava o sentimento de melancolia em relação à terra natal e de aversão à privação da liberdade praticada contra a população negra no Brasil na época da Diáspora africana. O novo trabalho de Gustavo Portela foi iniciado numa busca minuciosa sobre a música de origem africana que deixou marcas fortes por toda a América Latina. Da cumbia ao baião, o Banzo retrata entre outras coisas a solidão, que também é vivenciada no palco.

Entrevistas: Gustavo Portela | Telefone: (85) 99785.1049 / 98842.9249 | Email: gustavo.portela@gmail.com

TEATRO DE RUA // TEMPORADA

Dias 09, 13 e 23 de Dezembro às 16h30.

Espetáculo Final da tarde – Grupo Teatro de Caretas

Local: Espetáculo itinerante pelas ruas do Centro (Saindo do Teatro Carlos Câmara)

Duração: 40 min

Classificação: Livre

Sinopse: O espetáculo Final da Tarde se baseia numa experiência diferente de teatro de rua, tanto na relação entre ator e público como na relação com a cidade que, além de cenário é a própria dramaturgia do espetáculo. Propomos uma experiência de atuação cênica baseada no detalhe da interpretação em que proximidade e intimidade entre transeuntes e atores são os elementos centrais. Não há palco nem formalidades de início e fim.

Entrevistas: Vanéssia Gomes | Telefone: (85) 99621-9191 |Email:   vanessiagomes@gmail.com

TEATRO // CURTA TEMPORADA

Dias 09 e 16 de Dezembro às 19h

Espetáculo /Olaria – Curso de Licenciatura em Teatro (IFCE)

Local: Palco Principal Teatro Carlos Câmara

Duração: 50 minutos

Classificação: 16 anos

Sinopse: Em um lugar sem identidade, sete personas habitam esse espaço. Juntos na esperança de um dia sair daquele lugar, eles necessitam conviver todos os dias com as mesmas angústias e frustrações. Mas, em meio ao caos, encontram-se doentes e sem expectativas de mudanças. O fim é não ter fim. Como resistir ao sistema? Como nos inserir nesse novo lugar? /OLARIA é um registro cênico que nos convida a emergir para um novo espaço, prisão, cárcere, quarentena e colônia.

► DOMINGOS

TEATRO INFANTIL // TEMPORADA

Dias: 11, 18 de Dezembro às 10h.

Espetáculo Pedro, que horas são? – Coletivo Paralelo

Duração: 50 min

Classificação: Livre

Sinopse: Pedro, que horas são? é uma representação caricaturada do indivíduo contemporâneo, um grito de socorro por todos aqueles que se afundam diariamente nos grilhões da engessada rotina, mas pagam um preço à altura do próprio esforço: a omissão da liberdade em troca de uma suposta qualidade de vida.

 

secult.ce


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você se considera uma pessoa honesta?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor