Terça-feira
24 de Janeiro de 2017
Publicidade
Publicidade
Terça-feira, 24 de Janeiro de 2017
Publicidade
Publicidade
Dom Pastana
Novo bispo do Crato quer manter diálogo com prefeitos
Bispo dom Gilberto afirma que vai tentar aproximar os fiés das gestões municipais (Foto: Patricia Silva/Jornal do Cariri)
Em 10/01/2017 às 14:00

No encontro que teve com 22 dos 32 prefeitos eleitos do Cariri, o bispo da Diocese de Crato, dom Gilberto Pastana, fez apelo aos novos gestores da região para que não administrem seus municípios com as costas viradas para a Igreja e colocou a instituição católica à disposição como porta-voz de uma democracia participativa em fidelidade ao seu processo evangelizador. Em entrevista ao JC, na última semana, Dom Gilberto deixou transparecer que, no campo da política regional, se faz necessário ampliar o diálogo no exercício missionário na educação das consciências, denunciando profeticamente as injustiças e anunciando uma sociedade nova, insistindo na ética.

O bispo acha fundamental que os prefeitos que chegaram recentemente ao poder, e também os reeleitos, procurem conduzir suas gestões com transparência junto aos órgãos, organizações sociais e aos seus respectivos legislativos. Para dom Pastana, as idéias devem ser participativas, com uma visão social abrangente e solidária, e prometeu aprimorar a proximidade da Igreja com as novas gestões municipais.

O professor Francisco Moreira Bento ver com inteligência a preocupação do chefe da Igreja Católica do Cariri, dizendo que a história, nas últimas duas décadas, mostra a inclinação da sociedade cristã quando esta se mantém omissa perante seus encargos na esfera política. “O que devemos fazer, enquanto cristãos, é observarmos as formas que estão sendo feitas as leis nos âmbitos municipal, estadual e federal. Se há algum sentimento cristão ou conveniência própria dos legisladores. É bom saber que todas as leis dos homens devem ter como fonte inspiradora a Bíblia Sagrada. Era bom se fosse assim porque é a partir desse princípio que passaríamos a colocar em pratica a justiça, a solidariedade, o amor e todo o ensinamento cristão”, disse o professor.

O pastor evangélico Geraldo Brito apelo aos prefeitos eleitos e reeleitos do Cariri, que coloquem em prática a diafaneidade em nome do bem estar social de uma população regional que há muito tempo vem sofrendo consequencias terríveis por causa de algumas gestões não compatíveis com os anseios populares. “Acredito não ser possível semear os alicerces divinos sem fomentar uma política que venha impedir a exclusão, preconceitos ou práticas discriminatórias. A boa política é aquela exercida, em primeiro lugar, buscando os direitos dos pobres, aqueles menos favorecidos”, disse o pastor.

O prefeito do Crato, José Ailton Brasil, quer a Igreja Católica do Cariri como parceira em sua gestão e aconselhou seus colegas da região para o mesmo procedimento. Conforme declarou, sua eleição foi uma vontade de Deus e que assim seja até o final. Ainda segundo o gestor cratense, desde que decidiu disputar a prefeitura do seu Município, passando pelo registro de sua candidatura até chegar à vitória nas urnas, pediu a Deus que tudo fosse feito segundo a vontade do criador e não a dele própria. “Como agradecimento a esse desejo de Deus, prometo desempenhar minha administração investindo em um modelo transparente, agindo assim acredito que evitarei dúvidas e questionamentos indevidos. Sei que é isto que Deus quer que minha equipe e eu façamos pelo Crato”, finalizou o prefeito.

Fonte: Jornal do Cariri

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal só é permitida com o devido crédito da fonte e, caso não se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, clique aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira