Domingo
26 de Março de 2017
Publicidade
Publicidade
Domingo, 26 de Março de 2017
Publicidade
Publicidade
Onça desgarrada da mãe
Polícia Ambiental de Juazeiro captura filhote de onça suçuarana perto da divisa entre Ceará e Pernambuco
Onça capturada por militares da Companhia Ambiental de Juazeiro (Foto: Reprodução Site Miséria)
Em 11/01/2017 às 11:15

Por Demontier Tenório
 

Um filhote de onça suçuarana foi caputarado por militares da Polícia Ambiental de Juazeiro do Norte por volta das 13h30min desta terça-feira perto da divisa entre os estados do Ceará e Pernambuco. Moradores da zona rural entre os municípios de Crato e Moreilandia a uma distância média de 120 Km em relação ao Quartel da CPA no Parque Ecológico das Timbaúbas, se depararam com o animal silvestre e acionaram a corporação.

O Tenente Franklin, o Subtenente Henoch e os Sargentos Marcos e Alves foram lá quando capturaram o filhote que tinha se perdido da mãe e já estava perto das residências. Os PMs estão promovendo esforços para que sobreviva adotando os devidos cuidados como alimentação e o aconchego. Nas próximas horas, a pequena onça será entregue ao IBAMA de Iguatu porquanto o órgão em Crato fechou. A preocupação maior é que na Floresta do Araripe já não existem mais tantas onças suçuaranas quanto antes em virtude da devastação.

No Brasil é chamada, também, de onça-parda e, na Europa, Puma concolor que se constitui um mamífero carnívoro que habita as florestas. Mesmo assim, é capaz de sobreviver em áreas extremamente alteradas pelo homem, como pastagens e cultivos agrícolas. Tais onças chegam a pesar até 72 kg e ostentam um porte semelhante ao do leopardo, sendo o segundo maior felídeo das Américas. Vivem, em média, entre 7,5 e 9 anos reservando maior atividade para o período noturno se isolando durante o dia.

Animal vem recebendo cuidados antes de ser levado para o IBAMA de Iguatu (Foto: Reprodução Site Miséria)

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal só é permitida com o devido crédito da fonte e, caso não se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, clique aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira