Sexta-feira
20 de Outubro de 2017
Publicidade
Publicidade
Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017
Publicidade
Publicidade
Homicídios no Cariri
Abril terminou com 29 assassinatos no Cariri e a violência é 5,7% maior que o ano passado
Aparecido foi assassinado em Farias Brito; Lucas em Campos Sales; Jorge em Crato e Franco Lucena em Brejo Santo (Foto: Reprodução/Redes sociais)
Em 19/05/2017 às 06:00

Por Demontier Tenório
 

No quarto mês do ano 29 pessoas foram assassinadas na região do Cariri, sendo três do sexo feminino e os números representam 7,69% do total de 377 homicídios no mês de abril em todo o Ceará. Em nível de Cariri foi 0,96 pessoa por dia, enquanto a média cearense se situou na faixa de 12,56 a cada dia. No Ceará, a quantidade de assassinatos aumentou de 358 em março para 377 no mês passado ou 19 a mais.

Em nossa região, houve uma queda da ordem de 14,7% entre março quando 34 pessoas tombaram mortas e abril com 29 homicídios no Cariri. Já em abril de 2016 foram 34 assassinatos ou cinco a mais que o quarto mês deste ano. Na comparação entre o ano passado (116) e este ano (123) a diferença é de 7 homicídios ou 5,7% a mais. Em todo o Ceará foram 1.353 assassinatos este ano com uma participação de 9,09% do Cariri.

De um total de 29 municípios caririenses em 14 deles ocorreram homicídios no último mês de abril. Já dos 29 assassinatos do mês passado no Cariri, Juazeiro respondeu por nove ou 31% sozinha. Os demais foram em Crato e Brejo Santo (03); Abaiara, Barbalha e Missão Velha com dois cada e os demais em Araripe, Campos Sales, Caririaçu, Farias Brito, Lavras da Mangabeira, Mauriti, Nova Olinda e Potengi. Eis abaixo o comportamento mês a mês neste ano:

JANEIRO – 349 homicídios no Ceará (33 no Cariri ou 9,45%)

FEVEREIRO – 269 homicídios no Ceará (27 no Cariri ou 10%)

MARÇO – 358 homicídios no Ceará (34 no Cariri ou 9,49%)

ABRIL – 377 homicídios no Ceará (29 no Cariri ou 7,69%)

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal só é permitida com o devido crédito da fonte e, caso não se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, clique aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira