Terça-feira
22 de Agosto de 2017
Publicidade
Publicidade
Terça-feira, 22 de Agosto de 2017
Publicidade
Publicidade
Um estudante era PM
Assalto a ônibus de universitários deixa dois suspeitos mortos e um ferido em PE
Hospital da Restauração, no Derby, na área central do Recife (Foto: Reprodução/TV Globo)
Em 12/08/2017 às 15:30

Um assalto a um ônibus que transportava estudantes universitários, em Glória do Goitá, na Zona da Mata de Pernambuco, distante 65 quilômetros do Recife, deixou dois suspeitos mortos e um ferido. Segundo a Polícia Militar, um dos alunos era um PM. Ele reagiu e atirou nos assaltantes. O crime aconteceu na noite de sexta-feira (11), no bairro de Campo Alegre, às margens da Rodovia Estadual PE-50.

De acordo com nota enviada pela PM, o assalto ocorreu por volta das 22h30. Os universitários seguiam de Limoeiro, no Agreste pernambucano, cidade em que fica a instituição de ensino, para Glória de Goitá, onde residem.

Seis suspeitos entraram no coletivo. Um deles estava armado com um revólver. O militar atingiu três assaltantes. “Três homens conseguiram fugir”, informou no delegado Paulo Lapenda, que está investigando o caso.

Baleado, o suspeito que estava armado não resistiu ao ferimento e morreu no local. Dois comparsas dele foram levados para o Hospital João Murilo de Oliveira, na cidade de Vitória de Santo Antão, na mesma região.

Um desses homens morreu pouco antes de chegar à unidade. O outro foi atendido no centro de saúde e transferido para o Hospital da Restauração (HR), no Derby, área central do Recife. Ele está sob custódia policial.

A ocorrência foi encaminhada para a delegacia de Vitória. A arma usada no assalto e dois celulares roubados foram entregues pela polícia.

Fonte: G1 PE

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal só é permitida com o devido crédito da fonte e, caso não se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, clique aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira