Terça-feira
20 de Fevereiro de 2018
Publicidade
Publicidade
Terça-feira, 20 de Fevereiro de 2018
Publicidade
Publicidade
11 anos-luz de distância

Astrônomos descobrem exoplaneta próximo à Terra que pode abrigar vida

Ross 128b (Foto: Reprodução/Notícias ao Minuto)
Em 16/11/2017 às 14:15

A apenas 11 anos-luz de distância, o exoplaneta Ross 128b pode ser o melhor candidato a abrigar algum tipo de vida extraterrestre já descoberto. Ele orbita a estrela Ross 128, e tem uma massa aproximada de 1,35 vezes a da Terra, sendo aproximadamente 35% maior do que o nosso planeta, podendo haver temperaturas superficiais favoráveis à vida.

A descoberta está sendo considerada mais empolgante do que à do Proxima Centauri b, planeta que orbita a estrela mais próxima do nosso Sistema Solar e que é um dos candidatos de habitabilidade. O ESO (European Southern Observatory) foi o responsável pela descoberta, usando o telescópio HARPS, considerado "o grande caçador de exoplanetas no solo" da Terra, já que, no espaço, o telescópio Kepler é o instrumento usado para detectar planetas que orbitam outras estrelas que não sejam o nosso Sol.

Ainda segundo os astrônomos, o planeta Ross 128b pode ter temperaturas que vão de -60ºC a 20ºC e, por conta dessa grande variação de temperatura superficial, os cientistas ainda não estão considerando o planeta como habitável, sendo necessários novos estudos a fim de determinar essa questão. Sua órbita é completada ao redor da estrela em somente 9,9 dias e, ainda que o planeta esteja localizado 20 vezes mais próximo de seu sol em comparação à distância entre a Terra e o Sol, como a estrela Ross 128 é muito mais fria, o planeta é considerado potencialmente habitável. Ainda assim, não se tem certeza, até o momento, de que o planeta está mesmo na zona habitável de sua estrela.

Estrelas como a Ross 128, bem como a Proxima Centauri e a TRAPPIST-1, são astros com condições ideais para abrigar planetas similares à Terra em suas órbitas. A Ross 128, por exemplo, tem apenas 17% da massa do Sol, com 20% de seu raio. E a boa notícia é que, no universo, existem estrelas com essas características por todos os lados. Portanto, a busca por exoplanetas que possam abrigar algum tipo de vida tem uma enorme gama de objetos de estudo.

Terra

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
Quer reproduzir nosso conteúdo no seu blog ou site? Estabeleça uma parceria clicando aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira