Sexta-feira
20 de Julho de 2018
Publicidade
Publicidade
Sexta-feira, 20 de Julho de 2018
Publicidade
Publicidade
Prioridades?

Felipe Azevedo: Insistência para mudar nome de Juazeiro do Norte é no mínimo desrespeito com o Juazeirense

Por Felipe Azevedo/Agência Miséria
Em 27/11/2017 às 06:00
Compartilhar
Juazeiro do Norte ou do Padre Cícero? Leitores opinam e votam na enquete do Miséria (Foto: Cícero Valério/Agência Miséria)

Confesso que quando pela primeira vez me chegou a informação de que havia um movimento efetivo para que Juazeiro do Norte se chamasse Juazeiro do Padre Cícero, não quis acreditar. Não pela nova sugestão, mas pelo empenho do legislativo cearense em uma pauta tão desimportante e notoriamente avessa às prioridades do município.

Os casos onde municípios foram rebatizados no Brasil geralmente datam de sua emancipação. Tabuleiro Grande passou a se chamar Joaseiro em 1911, quando se desvinculou de Crato. O nome, com o passar dos anos, firmou-se em Juazeiro do Norte e é assim que um dos maiores e mais importantes municípios do nordeste passou a ser conhecido no resto do mundo.

Em tramitação na Assembléia Legislativa , o projeto de autoria do deputado estadual e ex-prefeito de Juazeiro Dr. Santana (PT), voltou à tona semana passada, desta vez com o deputado Fernando Hugo (PP), que é de Fortaleza.

O parlamentar justifica a homenagem pelo grande homem que foi o padre Cícero, e pelo legado político-religioso que o patriarca deixou. Toda e qualquer homenagem ao padre deve ser bem vista, mas a proposta da nova nomenclatura, além de confusa,  soa como uma manobra populista, rasa e definitivamente fora de contexto.

Acredito, porém, que por pertencer ao imaginário e à fé do povo, dos que não vestem terno nem exercem cargos públicos, Cícero Romão Batista não necessita de tais glórias sob as formalidades de um rito legislativo. Mesmo que a eventual mudança seja por voto popular, somente uma iniciativa genuinamente civil seria de longe justificável.

Cenário este embasado pela última enquete do Site Miséria, que perguntou a opinião dos leitores sobre o "Juazeiro do Padre Cícero". O resultado apontou significável aversão ao projeto, quando 69,44% dos leitores afirmaram ser contra a ideia. Outros 28,99% se mostraram à favor e mais 1,57% dos internautas sugeriria ainda um terceiro nome - a maioria deles sugerindo algo relacionado à corrupção e enriquecimento político.

A proposta real pela mudança de nome e a mobilização de um possível plebiscito apontam, no mínimo, um desrespeito com o eleitor, que anseia por políticas públicas prioritárias que, se por ventura recebessem igual atenção dos agentes políticos, haveria uma chance de se empreender atenção para uma pauta tão secundária.

E você? Prefere Juazeiro do Norte ou Juazeiro do Padre Cícero. Deixe um comentário.

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
Quer reproduzir nosso conteúdo no seu blog ou site? Estabeleça uma parceria clicando aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira