Quarta-feira
13 de Dezembro de 2017
Publicidade
Publicidade
Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017
Publicidade
Publicidade
Sergipe
Após queda de caixa d’agua em escola de Dores alunos estudam provisoriamente em associação
A caixa d´água ficava localizada ao lado da escola (Foto: Aplicativo/TV Sergipe)
Em 06/12/2017 às 17:50

Os alunos da Escola Municipal Professor Osman dos Santos Oliveira, no Povoado Campo Grande, município de Nossa Senhora das Dores (SE), onde uma caixa d’água caiu em cima do teto da escola, matando duas crianças e deixando 20 feridos, há um mês, estão assistindo aula de forma provisória na associação de moradores da região.

Segundo a assessoria da prefeitura do município, os alunos foram transferidos para a associação de moradores, que foi reformada para recebê-los, enquanto é estudado junto a Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso), que era responsável pela caixa d’água, a compra de um terreno para a construção de uma nova escola. A previsão de acordo é que uma praça seja concluída no local do acidente e que seja uma espécie de memorial em homenagem as vítimas do acidente

A Deso informou que continua prestando assistência às vítimas do acidente e que contratou uma empresa especializada para dar suporte as crianças, que não queriam voltar aos estudos por associar a escola ao acidente.

A assessoria informou também que continua prestando assistência psicológica e suporte as vítimas do acidente.

A Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE) disse que o delegado só deve se pronunciar sobre o caso após a liberação do laudo da polícia criminalística e a conclusão do inquérito policial.

Fonte: G1 SE

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal só é permitida com o devido crédito da fonte e, caso não se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, clique aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira