Sábado
20 de Outubro de 2018
Publicidade
Publicidade
Sábado, 20 de Outubro de 2018
Publicidade
Publicidade
Homicídio

Morre no HRC em Juazeiro comerciante baleado ao sair de casa em Barbalha

Por Demontier Tenório
Em 02/01/2018 às 16:40
Compartilhar
Marciano foi baleado em frente à sua casa na Rua L-13 do bairro Cirolandia (Foto: Reprodução/Google Street View)

Por volta das três horas da madrugada desta terça-feira morreu num dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro o jovem Marciano Apolinário Braz, de 30 anos, cerca de quinze horas após ser baleado em Barbalha. Ele era o proprietário da empresa Marciano Auto Peças que funciona no bairro Bela Vista naquele município e residia na Rua L-13, número 148 (Bairro Cirolandia) em Barbalha.

Sua esposa, Cícera Nascimento Cruz, informou à polícia que o mesmo estava em casa quando, no final da manhã desta segunda-feira ali chegou o sobrinho dele que identificou como Robson Apolinário. Marciano foi atraído até à porta de sua residência e, ao sair do imóvel, terminou surpreendido com quatro tiros que o atingiram duas vezes no tórax, uma no braço direito e outra na cabeça. Segundo ela, o autor dos disparos fugiu numa moto e a polícia procura ainda o parente da vítima.

Após ser lesionado, o comerciante foi socorrido ao Hospital São Vicente de Paulo e, pouco tempo depois, terminou transferido ao HRC de Juazeiro onde faleceu esta madrugada. Segundo a polícia, Marciano era investigado como suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas. Foi o segundo homicídio em Barbalha num curto intervalo de apenas dois dias já que o crediarista Luis Sérgio Teles Diniz, de 38 anos, terminou atingido por bala perdida na manhã de domingo e morreu no bairro Malvinas.

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
Quer reproduzir nosso conteúdo no seu blog ou site? Estabeleça uma parceria clicando aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira