Sexta-feira
17 de Agosto de 2018
Publicidade
Publicidade
Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018
Publicidade
Publicidade
Cuidado

Cópia maliciosa do Telegram engana usuários na Google Play Store

Em 16/01/2018 às 10:20
Compartilhar
(Foto: Reprodução/Terra)

Um app batizado de "Teligram" circulou por um tempo na Google Play Store e enganou muitos usuários. Segundo a empresa de segurança Symantec, o aplicativo foi criado com base no código aberto do Telegram e desenvolvido apenas com o intuito de ganhar dinheiro.

O Teligram era encontrado na loja de aplicativos da Google acompanhado dos dizeres "[NEW VERSION UPDATED]" e contava com muitas semelhanças em comparação ao app original, o Telegram, apenas com uma leve diferença na logo e a troca de um "e" por um "i" na grafia.

Baixando o Teligram, o usuário também percebia semelhanças no design da tela e na sua funcionalidade. As imagens abaixo comparam o app original com a cópia:

Mas quais são os perigos?

A cópia maliciosa possui anúncios do que a versão original. O Telegram mostra os ads no topo da tela, sem atrapalhar a usabilidade do usuário, enquanto o Teligram os exibia em tela cheia.

Apesar de muitas vezes o aplicativo ter apenas o objetivo de arrecadação com anúncios, o uso não é indicado. De acordo com a Symantec, os desenvolvedores do Teligram desenvolveram malwares dentro do código aberto do aplicativo para enganar os usuários e, assim, gerar monetização, mas há quem desenvolva malwares com objetivos diferentes e mais perigosos.

Como descobrir se um app é falso?

Antes de baixar um aplicativo, alguns fatores devem ser levados em questão:

    Informações sobre o desenvolvedor;
    Análise de comentários;
    Quantidade de classificações.

Depois de se certificar sobre a veracidade do app e, finalmente, baixá-lo, não se esqueça de mantê-lo sempre atualizado. Além de tentar evitar apps de desenvolvedores desconhecidos, o ideal é também prestar atenção nas permissões exigidas pelo app e ter sempre um antivírus instalado em seu smartphone. Também não deixe de, claro, fazer o backup dos seus dados e arquivos com frequência.

O Teligram já foi removido da Google Play Store.

Terra

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
Quer reproduzir nosso conteúdo no seu blog ou site? Estabeleça uma parceria clicando aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira