Cariri
Juazeiro do Norte
Por atraso de salário, médicos do Hospital São Lucas ameaçam paralisar os atendimentos
Compartilhar

IMEGI informa que repasse restante é de responsabilidade do estado (Foto: Guto Vital/Agência Miséria)

Por Felipe Azevedo/Agência Miséria
Em 28/02/2018 às 16:15
Publicidade

Médicos do Hospital e Maternidade São Lucas, em Juazeiro do Norte, ameaçam paralisar os atendimentos caso não seja efetuado o repasse de parte do salário referente ao mês de janeiro, que encontra-se em atraso.

Uma faixa foi estendida na manhã desta quarta-feira (28) na porta do hospital, e retirada por volta das 12 horas, segundo um funcionário da unidade. A veracidade do letreiro com a frase "Médicos não estão recebendo salário! E sem salário, teremos que parar o atendimento" foi confirmada por um funcionário do hospital. 

Publicidade


Empresa terceirizada responsável pela gestão do São Lucas e também da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Limoeiro, o Instituo Médico de Gestão Integrada (IMEGI), confirmou através de nota o atraso no pagamento dos médicos.

O informe enfatiza que há um déficit de 25% do valor referente ao pagamento de janeiro a receber do município de Juazeiro do Norte. A verba, no entanto, é proveniente de repasses  efetuados pelo Governo do Estado do Ceará.

Publicidade


A empresa diz ainda que, em "consequência deste significativo atraso pagamento dos prestadores de serviços médicos [...] infelizmente ainda não pode ser realizado". A nota da IMEGI destaca o "comprometimento da atual gestão", e que "acredita que esta situação será regularizada o mais breve possível".

Procurada pela Miséria, a Secretaria de Saúde de Juazeiro, através da assessoria, informou que que o valor de responsabilidade do Município, referente ao mês de janeiro, já foi repassado para o Imegi, e que  "hoje mesmo já foi feito o repasse de fevereiro".


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você acha que deve haver leis mais duras para quem agride animais no Brasil?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor