Tecnologia e Games
Aplicativo de mensagens
WhatsApp agora permite refazer download de arquivos apagados no Android
Compartilhar

WhatsApp (Foto: Reprodução)

Em 16/04/2018 às 15:55
Publicidade

Você já tentou baixar novamente um arquivo recebido pelo WhatsApp que você acabou apagando por engano? Se sim, você provavelmente não conseguiu, porque a empresa evita guardar o que esses dados em seus servidores, o que significa que a única cópia fica guardada no seu smartphone. Isso está mudando, no entanto, nas últimas atualizações do aplicativo para Android.

Entre as versões 2.18.106 e a versão 2.18.110, como nota o site WABetaInfo, o aplicativo passou a permitir que seus usuários refaçam o download de algum arquivo que tenha sido apagado. Na prática, isso significa que o WhatsApp passará a guardar esses documentos em seus servidores depois que você os tenha baixados para o seu celular.

Publicidade


Até então, o WhatsApp guardava os arquivos enviados por meio do aplicativo por 30 dias e deletava se o destinatário não fizesse menção de baixa-lo. Caso o usuário decidisse baixar os dados, eles eram imediatamente deletados do servidor.

Pode parecer pequeno, mas é uma mudança grande no funcionamento do app. Os responsáveis pelo WhatsApp juram desde o princípio da empresa que nada do que os usuários trocam entre si por meio do aplicativo fica guardado nos servidores. Por causa dessa política, a empresa já se livrou de ter que fornecer dados de usuários às autoridades, simplesmente por que não os tinha. Isso muda a partir de agora, embora a informação continue com criptografia de ponta-a-ponta, então teoricamente ainda é impossível para alguém que acesse tenha acesso aos dados abrir e ver o seu conteúdo.

Publicidade


Segundo o WABetaInfo, foi possível recuperar imagens e vídeos recebidos e apagados entre dois e três meses com a versão 2.18.133 do app. O site também nota que a mensagem original não pode ter sido apagada; só será possível refazer o download se apenas o arquivo tiver sumido do armazenamento interno do aparelho.

Por enquanto, essa função só está ativa no Android. Não se sabe quando ou se o recurso chegará ao iOS ou Windows 10 Mobile.

Fonte: Olhar Digital


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você é a favor de leis mais rígidas sobre conservação do patrimônio histórico municipal?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor