Polícia
Julgamento em Juazeiro
Acusado de três homicídios em Juazeiro e outro em Caririaçu é novamente condenado
Compartilhar

Maurício quando foi preso em fevereiro de 2014 após matar o seu próprio tio em Juazeiro (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Por Demontier Tenório
Em 11/09/2018 às 11:00
Publicidade

O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Juazeiro condenou o réu Maurício de Oliveira Alves, de 38 anos, o “Dandá”, por um crime de homicídio praticado no dia 31 de julho de 2005 no Sítio Carás do Umari. Pelo assassinato de Cícero da Silva Mourão, ele terminou condenado a 11 anos e oito meses de prisão em sentença prolatada pelo Juiz de Direito, Marcelo Wolney Pereira de Matos. Na época, fugiu e só preso preventivamente há dois anos.

Todavia, nesse intervalo de tempo, praticou mais três homicídios. No dia 15 de novembro de 2009 matou o garçom Adriano dos Santos Cruz, de 20 anos, por asfixia e espancamento após discussão banal. O crime aconteceu na estrada carroçável entre os Sítios Espinho e Taquari e foi praticado por Maurício e um comparsa que fugiram numa moto. O co-autor já foi julgado e condenado a 22 anos enquanto Maurício não sentou no banco dos réus por ter recorrido contra a sentença de pronuncia

Publicidade


Já no dia 12 de outubro de 2013 ele assassinou a tiros o jovem Gesiel Araújo Oliveira, de 20 anos de idade, no Sítio Piripiri na zona rural de Caririaçu. O corpo foi encontrado na rodovia estadual que liga os municípios de Juazeiro e Caririaçu e a informação inicial passada para a polícia era de um acidente. Entretanto, com a chegada da perícia criminal foram visualizadas as perfurações á bala.

O último homicídio foi no dia 2 de fevereiro de 2014 quando matou a facadas o próprio tio o agricultor José Gilberto Alves Maciel, de 57 anos. O crime aconteceu no Sítio Carás do Umari em Juazeiro e Maurício já foi condenado a 16 anos de prisão. A vítima consertava uma cerca em seu terreno quando o sobrinho chegou e passaram a discutir, evoluindo para luta corporal. Maurício apanhou uma faca e desferiu os golpes, mas saiu ferido e foi preso ao receber atendimento no Hospital Regional do Cariri.


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você anda usa telefone fixo em casa?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor