Economia e Negócios
Nas refinarias
Petrobras sobe preço da gasolina, que atinge nova máxima de R$ 2,25
Em 14/09/2018 às 07:20

O litro da gasolina comum já é encontrado por mais de 5 reais em postos de São Paulo, segundo a ANP (Foto: Ueslei Marcelino/Reuters)

TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
Compartilhar

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira, 13, o aumento de 1% no preço médio do litro da gasolina nas refinarias, que passa para 2,2514 reais. O reajuste representa nova máxima histórica desde que a estatal passou a divulgar o preço médio diariamente em seu site, em 19 de fevereiro.

Já o valor do litro do diesel permanece em 2,2964 reais, conforme tabela disponível no site da empresa. Na quarta-feira, a estatal também havia anunciado um reajuste no preço da gasolina, batendo a máxima histórica anterior – chegou a 2,2294 reais.

TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
Além dos reajustes diários da gasolina, a companhia tem a opção de utilizar um mecanismo de proteção financeira (hedge) para controlar o preço da combustível. Com isso, os reajustes poderão ser realizados a cada quinze dias.

“A Petrobras entende ser importante implementar mecanismos que lhe permitam ter a opção de alterar a frequência dos reajustes diários do preço da gasolina no mercado interno, podendo até mantê-lo estável por curtos períodos de tempo, de até quinze dias, conciliando seus interesses empresariais com as demandas de seus clientes e agentes de mercado em geral”, informou a companhia na época.
TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
O litro da gasolina comum já é encontrado por mais de 5 reais em postos de São Paulo. Na última pesquisa de preços da Agência Nacional de Petróleo (ANP), encerrada no dia 8, o valor máximo encontrado foi de 4,999 reais. Os novos recordes serão sentidos no próximo levantamento.

Fonte: Veja

Publicidade
Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Você se sente seguro em sala de aula?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor