Ceará
Fortaleza
Peixes são encontrados mortos na lagoa Maria Vieira, no Cajazeiras
Compartilhar

Denúncias pela população podem ser feitas através do aplicativo Fiscalize Fortaleza, do site da Agefis e do telefone 156 (Foto: Reprodução/ Diário do Nordeste)

Em 06/12/2018 às 14:50
Publicidade

A fauna que habita a lagoa Maria Vieira, no bairro Cajazeiras, em Fortaleza, é visivelmente conhecida por seus frequentadores pelos gansos que circulam no local. Mas desde a última terça-feira (4), o aspecto que mais chama a atenção é a morte de peixes, aves e o forte mau cheiro que emana das águas.

Os moradores alegam que a situação incômoda decorre de um desvio irregular de esgoto, vindo a partir de obras na Avenida Deputado Paulino Rocha, feito pela Prefeitura de Fortaleza. A obra em questão foi uma "desobstrução da galeria de drenagem naquela área, para destinação apenas de águas pluviais", segundo a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP).

Publicidade


"Nessa lagoa, eu nunca vi mortalidade de peixe. Eu moro aqui desde 2004. Estou vendo desse jeito agora", afirma a aposentada Maria Sueli de Queiroz Porto, que atribui o caso à "poluição do ambiente que a prefeitura causou". Para a aposentada, o problema prejudica o uso do espaço e ameaça o fim da lagoa. "Diminuiu muito (a presença de pessoas). Às vezes, na hora da madrugada, é que tem alguém fazendo caminhada, mas durante o dia, acabou. Não se vê mais pessoas com crianças. Tinha uma competição que um grupo vinha fazer aqui, de barquinho, aos domingos. Não vem mais", lamenta Maria Sueli.

O empresário Elandro Medeiros de Azevedo relata que, durante uma reunião entre moradores, representantes do poder municipal e da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), foram repassadas informações que não condizem com a realidade vivida nos últimos dias. "Com isso, veio a mortalidade de peixes, e não só, mas também nós tínhamos aqui vários patos e gansos, e eles já vieram a morrer devido à contaminação que está tendo na lagoa por parte desse esgoto que está sendo colocado dentro dela", conta com indignação. "É horrível, não tem como a gente suportar esse mau cheiro", complementa Elandro Medeiros.

Publicidade


Em nota, a Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) afirma que, ainda nesta quinta-feira (6), "enviará uma equipe de fiscais para verificar a situação denunciada e adotar as devidas providências acerca de possíveis ligações clandestinas de esgoto na região".

Diário do Nordeste


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você é a favor de leis mais rígidas sobre conservação do patrimônio histórico municipal?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor