Polícia
Troca de tiros
Integrante de facção criminosa morre em confronto com a PM e outro baleado em Jaguaribe
Por Agência Miséria
Em 12/12/2018 às 18:00

José Lucas morreu após troca de tiros com a polícia e Lucas Lima está internado; dois revólveres calibre 38 foram apreendidos com a dupla (Foto: Richard Lopes)

Compartilhar

A policia militar de Jaguaribe, tomou conhecimento às 21h30 desta terça-feira (11), que uma dupla armada teria roubado uma moto em frente ao Instituto Federal do Ceará, no bairro Cohab. Os militares  iniciaram diligências que varou a madrugada e na manhã desta quarta-feira (12), os suspeitos foram visualizados em matagais cerca de 3 quilômetros do Instituto.

Foi montado um cerco e os acusados atiraram em direção aos policiais que revidaram a agressão. Os dois foram baleados e socorridos para o hospital de Jaguaribe, onde José Lucas Bandeira Evangelista, de  24 anos, que tinha deixado o presídio recentemente acabou morrendo. Seu comparsa, Lucas Lima, o Neymar, de 27 anos, foi alvejado e se encontra sob escolta policial no hospital de Jaguaribe.

Lucas "Neymar" afirmou que ele e José Lucas, roubaram a moto a mando de um detento de Fortaleza, que seria membro da facção Comando Vermelho, para matar desafetos da facção PCC na região, além de praticar assaltos e conseguir dinheiro para se esconderem. A Policia Militar apreendeu dois revólveres calibre 38 com numeração raspada, várias cápsulas deflagradas, um celular e a moto roubada.

José Lucas Bandeira Evangelista, era acusado de um duplo homicídio na noite de domingo, dia 10 de setembro de 2017, no bar da Tripa, na vila Pinheiro de Jaguaribe. Uma dupla de moto chegou no local daquela fatídica noite e matou o desafeto, Pedro César Parente Rodrigues, de 18 anos. O menino Kauã de Assis Lopes, de 11 anos, estava no bar dos pais e também foi alvejado no pescoço, morrendo em seguida.

O crime da criança  chocou Jaguaribe. O estudante cursava o quinto ano do ensino fundamental. Ele teria sonhado que sua mãe morreria e naquela noite quando foram feitos os disparos no bar, correu em direção da mãe e acabou sendo alvejado. José Lucas tinha deixado a cadeia a cerca de um mês e, segundo a polícia, estava cometendo novos delitos.

As informações são do correspondente Richard Lopes

Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Qual imagem do Nordeste o presidente Bolsonaro apresenta para o Brasil? Comente.

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor