Cariri
"Não chegamos atirando"
Policial revela a jornal que reféns de Milagres-CE foram encontrados já mortos
Compartilhar

"Não chegamos atirando a esmo", o policial afirmou em entrevista a jornal (Foto: Normando Sorácles/Agência Miséria)

Por Alana Soares/Agência Miséria
Em 13/12/2018 às 11:00
Publicidade

Sem se identificar, um policial que participou da operação em Milagres na madrugada da sexta, 7, afirmou a jornal que reféns já estavam mortos quando a polícia chegou e que o tiroteio começou pelo grupo assaltante.

"Não chegamos atirando a esmo", o policial afirmou em entrevista para a repórter Jessika Sisnando, do jornal O POVO.

Publicidade


"Em momento algum sabíamos que havia reféns. Não houve escudo humano. Não foram visualizados (os reféns) na frente do banco ou houve qualquer sinal dos bandidos para avisar que estavam com reféns. Nós não saímos atirando contra os carros. Nós trocamos tiros com os bandidos na Cidade", relatou.

Segundo o policial, os cinco corpos dos reféns foram encontrados aglomerados no chão, já mortos. Nesse momento, confessa que a polícia ficou sem entender o motivo daquilo.

Publicidade


Outros dois, com vida, foram vistos deitados na rua e não estavam “caracterizados como os assaltantes” - não usavam balaclavas ou coletes balísticos.

Reconstituição do crime em Milagres deverá ser feita em breve.


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você acredita no bom desempenho do Guarani e do Barbalha no Campeonato Cearense Série A?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor