Economia e Negócios
Baixas no comércio
Ceará perde 4.982 vagas de trabalho formal em janeiro
Em 28/02/2019 às 15:50

Setor da construção civil no Ceará perdeu 1.031 postos de trabalho em janeiro deste ano (Foto: Reprodução)

Compartilhar

O mercado de trabalho formal no Ceará voltou a amargar números negativos em janeiro deste ano. De acordo com o Cadastro geral de Empregados e Desempregados, divulgado nesta quinta-feira (28) pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, o Estado perdeu 4.982 vagas de trabalho formal em janeiro deste ano.

O dado decorre de 29.832 admissões e 34.814 desligamentos no período. Apesar do resultado, em 12 meses, o Ceará ainda acumula a geração de 15.186 postos de trabalho.

Em janeiro do ano passado, o saldo de vagas de trabalho ficou positivo em 1.653 postos. Em dezembro de 2018, o mercado de trabalho no Estado também ficou no vermelho com 5.841 postos a menos.

De acordo com o Caged, os setores que mais perderam vagas em janeiro deste ano foram o comércio (-2.921) e a construção civil (-1.031).

Na contramão do resultado observado no Ceará, o Brasil encerrou janeiro com saldo positivo de 34.313 postos de trabalho. O resultado positivo decorreu de 1.325.183 admissões e 1.290.870 desligamentos. Nos últimos 12 meses, houve crescimento de 471.741 empregos, representando variação de 1,24%.

Fonte: Diário do Nordeste

Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Você se sentiu ofendido com o comentário de Bolsonaro sobre os governadores do nordeste?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor