Esporte
Jogador
Goleiro da Chapecoense é acusado de agredir ex-noiva em Minas Gerais
Em 14/03/2019 às 14:45

O atleta nega as acusações e a Chapecoense aguarda esclarecimentos (Foto: Reprodução/ Notícias ao Minuto)

TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
Compartilhar

O goleiro Ivan, da Chapecoense, é suspeito de ferir a ex-noiva e ter roubado os celulares dela e de um outro rapaz na cidade de Espinosa, em Minas Gerais, na tarde de quarta-feira (13). O atleta não é procurado pela Polícia Militar, mas deve prestar esclarecimentos.

De acordo com o G1, o jogador queria certificar-se de uma relação amorosa entre os dois. Ele teria pedido liberação da Chapecoense para resolver problemas pessoais e foi até a cidade no Norte de Minas, onde tem família. O atleta era esperado na última terça-feira em Chapecó para retomar a rotina de treinamentos

TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
A diretoria da Chapecoense deve se reunir com o goleiro para tratar do assunto. Segundo o G1, o jogador tinha bom comportamento e postura de liderança no vestiário.

Ivan estaria tentando retomar a relação com a ex, Laíse Gabriela Alves Fernandes. Em entrevista ao GloboEsporte, o jogador negou os incidentes.
TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
O presidente da Chape, Plínio David de Nês Filho explicou que o clube aguarda a averiguação dos fatos para ter um posicionamento. "Infelizmente temos que responder a pergunta em um momento que estamos recebendo um atleta que é símbolo do futebol brasileiro e nos deparamos com uma situação que não esperávamos. Entretanto, a diretoria não vai se manifestar até os fatos serem esclarecidos, verem a veracidade dos fatos que constam na reportagem para depois nos manifestarmos", afirmou.

NoticiasaoMinuto

Publicidade
Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Até quanto você pretende pagar por um dia de show na Expocrato ou Festa de Santo Antônio?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor