Política
Opinião
Soldado de Bolsonaro, Heitor Freire transforma Cariri em campo de batalha
Por:
Jornalista Felipe Azevedo
Em 19/05/2019 às 14:50

Heitor Freire (PSL) mantém a mesma postura da campanha e age como soldado cearense de Bolsonaro (Foto: Reprodução / Google)

TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE
Compartilhar

Heitor Freire (PSL) mantém a mesma postura da campanha e age como soldado cearense de Bolsonaro. Eleito colado na imagem do agora presidente, o deputado federal natural de Juazeiro marchou no Cariri este fim de semana.

Na sexta-feira (17), participou de audiência na Câmara juazeirense e defendeu a reforma da previdência proposta por Paulo Guedes, além de pontuar favorável e irrestrito à toda agenda bolsonarista. 

Na tribuna ainda contou com apoio do Movimento Brasil Livre (MBL), que já demonstra insatisfação com o governo, com diversas postagens de líderes que vão desde críticas à articulação de base, a reprovação de como deputados do partido se comportam em rede social.

Heitor tem fala firme e aparenta ser um fã de Jair Bolsonaro antes de um mero deputado de mesma sigla. É abertamente Olavista e costuma proferir discursos contra o comunismo e ideais de esquerda. É talvez o parlamentar que de fato permanece em rota de colisão com o governador Camilo Santana, junto com o deputado estadual André Fernandes, de mesmo partido. 

"Capitão, nenhum soldado desistiu da batalha, estamos com você até o fim". Esta frase está estampando uma montagem da bandeira nacional com a foto de Bolsonaro e foi postada no perfil oficial de Heitor no Instagram. O apoio vem na mesma semana onde a base do governo parece cambalear ao convocar um ato anti-Congresso no próximo dia 26.

As manifestações dividem a ala ideológica. Enquanto o presidente, os filhos e os conselheiros mais próximos chamam os brasileiros às ruas como um contraponto das manifestações do último dia 15, outra parte mais descolada o Planalto defende que convocar atos neste momento é assinar um atestado de ingovernabilidade e incompetência.

Não é o que Heitor acha. Como um fiel combatente, tratou de expor no Twitter que estará nas ruas ao lado da família bolsonariana. "Estamos contigo até o fim", escreveu". 

Ao sair de Juazeiro ainda na sexta, Heitor fez uma espécie de peregrinação em cidades do Cariri - entre elas Milagres e Brejo Santo -, conversando com apoiadores da direita. O percurso pode fazer parte da articulação que ele pretende estabelecer no Ceará para construção de diretórios do PSL na Eleições 2020, o deputado também dirige a sigla no estado.

A aproximação de Freire com o núcleo do governo transparece a fidelidade em campo de guerra. Bolsonaro, por sua vez, não demonstrou ainda nenhuma habilidade de lidar com o que, na analogia, seria o inimigo a combater. 

É de se observar a união em cada batalha, e assim saber se a fidelidade dos soldados perdura até uma possível derrota. 

Publicidade
Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Você se sente seguro em sala de aula?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor