Polícia
"Mauriti segura"
Polícia prende dois acusados de assaltos em Mauriti e outro com um rifle
Por:
Repórter Demontier Tenório
Em 20/06/2019 às 07:45

“Dé de Alcides” e “Cosme do Coité” são acusados de assaltos em Mauriti, enquanto o “João do Panasco” tinha em seu poder um rifle artesanal (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

Compartilhar

Policiais civis e militares de Mauriti amanheceram nesta quarta-feira nas ruas da cidade cumprindo Mandados de Prisões Temporárias e de Busca e Apreensões. Foram presos temporariamente os agricultores José Rômulo de Sousa Vasques, de 30, conhecido por “Dé de Alcides” que reside nas Casas Populares no bairro Bela Vista e Cosme Higino Ferreira, de 41 anos, o “Cosme do Coité” o qual mora na Rua Pedro Maranhão no Distrito do Coité.

Enquanto isso, João Pereira da Silva, de 43 anos, o “João do Panasco”, residente na Avenida Fernandes Teles Cartaxo no bairro Bela Vista, foi preso com um rifle calibre 38 artesanal com carregador e oito munições intactas. Além disso, dois Galos Campina, dois Sabiás, um Abre e Fecha e um pássaro Caboclinho. Os três já vinham sendo investigados pelo Delegado de Polícia Civil de Mauriti, André Felipe, culminando com o desfecho da operação denominada “Mauriti Seguro”.

Segundo o Tenente Alcebíades Brasil, Comandante do Destacamento, “Dé” e “Cosme” são acusados de assaltos e associação criminosa e os mandados foram expedidos pelo Juiz Luis Sávio de Azevedo Bringel, da Comarca de Mauriti. Os cumprimentos se deram com o apoio dos Sargentos Marciano, J. Cícero e Edinilton e os Soldados Carvalho, Moreno, J. Sousa, Walter e Cordeiro que trouxeram os dois primeiros para a cadeia de Juazeiro, pois João pagou fiança e responderá em liberdade.

Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Qual meio você prefere utilizar para chegar até a Expocrato?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor