Polícia
De novo mulher?
Exclusivo! Mulher pratica furto em mais um mercantil de Juazeiro e agora foi presa
Por:
Repórter Demontier Tenório
Em 17/07/2019 às 15:05

Aginadia confessa os furtos e disse ter sido solta duas vezes em audiências de custódia (Foto: Guto Vital/Agência Miséria)

Compartilhar

A mesma mulher que já tinha sido flagrada por câmeras de segurança praticando furtos no Super Lagoa, Supermercado Yohane e Mercearia do Mainha voltou a “atacar” mais um estabelecimento comercial de Juazeiro do Norte. Por volta das 10 horas Aginadia Sobral do Nascimento, de 42 anos, residente na Rua Contorno Norte (Bairro Seminário) em Crato, foi presa após recolher das prateleiras do Compre Mais Atacarejo 31 latas de sardinhas. O mesmo funciona na Rua Fausto Guimarães ao lado do Mercado do Pirajá.

Após um comunicado feito para a CIOPS uma patrulha do Policiamento Ostensivo Geral (POG) ali esteve quando o Cabo Cícero e os Soldados Itamásio e Pantaleão prenderam a acusada. Ela estava com a mesma roupa e a bolsa na qual levou alimentos e produtos de limpeza e higiene pessoal da Mercearia do Mainha na manhã desta terça-feira. Este funciona na Rua São Paulo no centro de Juazeiro e a divulgação das imagens pelo Site Miséria ajudou na identificação dela que não se furtou em praticar novo crime.

Leonilda foi levada à presença da Delegada de Polícia Civil, Cícera de Jesus, que a autuou em flagrante para responder por crime de furto. Depois, foi submetida a exame cautelar na Perícia Forense de Juazeiro e recambiada para o presídio feminino. Ela chegou á Delegacia de Juazeiro puxando uma perna diferentemente das ações criminais. Na conversa com o repórter Guto Vital, Aginadia chorou bastante falando em arrependimento e dizendo que toma remédio controlado.

Nas duas prisões anteriores, ela disse ter conseguido a liberdade na audiência de custódia. Reveja o flagrante da manhã de ontem do furto na Mercearia do Mainha, além do furto desta manhã no Compre Mais Atacarejo e mais uma entrevista com a acusada feita por Guto Vital.

Compartilhar

Mais do Site Miséria

Enquete
Vapt-Vupt de Juazeiro completa cinco anos e já atendeu 2,3 milhões de pessoas. Como você avalia o atendimento?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor