Terça-feira
21 de Fevereiro de 2017
Publicidade
Publicidade
Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2017
Publicidade
Publicidade
Violência
Juazeiro do Norte-CE: Três homicídios e uma morte no trânsito neste fim de semana na região do Cariri
Perito criminalista presente no crime em Barbalha, em que o mototaxista Gilvan de Sousa Ferreira, de 18 anos, foi morto com um tiro de revólver calibre 22 no tórax. (Foto: Chinês/Agência Miséria)
Em 04/06/2012 às 09:32

Por Demontier Tenório
 

Aumentou de três para quatro o número de mortes violentas neste final de semana na região do Cariri. Neste foram três homicídios e uma vítima fatal no trânsito. Somente em Barbalha dois jovens foram assassinados com outro homicídio em Juazeiro do Norte. Esses três corpos foram necropsiados no Instituto Médico Legal (IML) de Juazeiro e o outro em Iguatu no caso da morte no trânsito. Com população em torno de um milhão de habitantes, o fim de semana pode ser considerado tranqüilo.
 

Por volta das 19h30min deste sábado, na Rua Virgínia de Mendonça, 405 (Bairro João Cabral) em Juazeiro, Reginaldo Valério da Silva, de 41 anos, ali residente, foi morto com três tiros no tórax, no braço e nas costas. O autor foi seu vizinho identificado apenas por João Maria supostamente por motivos passionais. Ele chegou armado e atirou fugindo em sua moto Honda Fan de cor preta e placa NRC-7547 do Ceará. Reginaldo foi socorrido para o Hospital Regional do Cariri, mas morreu a caminho.
 

Dez minutos após, no Sítio Tupinambá na saída para o Distrito de Arajara, dois homens de capacetes que trafegavam em uma moto preta efetuaram cinco tiros contra Luiz Roberto dos Santos Ferreira, de 30 anos, o Xinha, que residia no Sítio Lambedor em Barbalha. Ele estava com seu sobrinho Tiago José dos Santos, de 19 anos, e foi atingido com três tiros no tórax. O rapaz saiu baleado na coxa e ambos foram socorridos para o Hospital São Vicente.
 

Xinha se encontrava em estado grave e morreu neste domingo. Já Tiago foi medicado e disse à polícia desconhecer os autores dos tiros, mas suspeita terem agido por determinação de um homem acusado do tráfico apelidado por Magno. Ainda em Barbalha, porém perto das 21 horas deste domingo, o mototaxista Gilvan de Sousa Ferreira, de 18 anos, foi morto com um tiro de revólver calibre 22 no tórax. Ele estava na Rua do Vídeo, no Centro, por onde passaria o cortejo do Pau da Bandeira.
 

O motivo foi uma discussão banal com um dos membros da “Gang do Marley” de pichadores que participava da festa com blusas caracterizadas na cor preata. Um Soldado da Companhia de Crato se encontrava por perto e saiu perseguindo uns jovens suspeitos quando abordou Ramon Belo, de 21, e o adolescente F. C. S., de 17 anos. Daí se tornou mais fácil a descoberta do homicídio quando uma viatura do Destacamento Militar de Barbalha saiu em diligência.
 

Em sua residência, foi apreendido um terceiro suspeito no caso outro adolescente de iniciais A. A. F. V., também de 17 anos. Este foi quem citou a Gang do Marley, admitiu uma discussão entre a vítima e o jovem Felipe Pinto Mesquita, de 22 anos, um dos componentes do grupo. Ele é suspeito do homicídio e encontra-se foragido. Outros integrantes correram em meio à multidão tirando suas blusas no caso um irmão de Felipe, Ícaro Júnior Pinto Mesquita, de 20, Cícero Roberto Silva, de 18, Paulo Ricardo Daniel Nunes, de 21, e o menor C. F. A. S., de 16 anos, todos foragidos.
 

Antes, por volta das 8 horas deste domingo um acidente de trânsito aconteceu na BR-230 à altura do Sítio Volta a uma distãncia de 6 km do centro de Lavras da Mangabeira. O agricultor Antônio Caboclo da Silva, de 61 anos, que residia na Rua Antonio Primo, no centro de Várzea Alegre, caiu de sua moto de cor preta e placa JHK-3579, inscrição do Distrito Federal, após perder o equilíbrio. O piloto sofreu traumatismo craniano, fratura no fêmur e ainda foi socorrido por populares para o hospital local. Quando era transferido para o HRC de Juazeiro morreu a caminho.
 

SABOEIRO – Outro corpo necropsiado no IML de Iguatu foi do agricultor Marcone Nunes da Silva, de 31 anos, que residia na Travessa Ramon de Souza, 45 em Saboeiro. Na madrugada de ontem seu cadáver foi encontrado no Sítio Flamengo a uma distância de 40 quilômetros do centro de Saboeiro com uma lesão à bala nas costas e uma facada no peito esquerdo. A esposa dele informou que o mesmo havia saído de casa mais cedo em sua moto Honda Fan 125 de cor preta a qual não foi localizada passando a idéia de um latrocínio.

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
TJ Seguros
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal só é permitida com o devido crédito da fonte e, caso não se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, clique aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira