Vendas pela internet registra novos recordes e aquece o comércio eletrônico - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Tecnologia

Alan Rodrigues

Analista de Sistemas, fullstack developer, empreendedor, investidor, músico.

Tecnologia

Alan Rodrigues

Analista de Sistemas, fullstack developer, empreendedor, investidor, músico.

Vendas pela internet registra novos recordes e aquece o comércio eletrônico

Segundo a Receita Federal, as notas fiscais eletrônicas emitidas e somadas, juntas ultrapassam um patamar recorde em comparação ao mesmo período do ano passado, um crescimento acima dos 73%. 

O volume de compras realizadas pelo governo, estados e municípios em busca de suprir as necessidades e adquirir recursos necessários para combater à covid-19 também contribuíram para a emissão de milhares de notas fiscais eletrônicas. 

Outro item importante e que surgiu em meio pandemia, foi a chegada do aplicativo caixa tem, que possibilita aos beneficiários a realização de compras em balcões como farmácias e supermercados bem como o pagamento de boletos e compras digitais. 

Uma alternativa em meio ao cenário caótico e que muitos negócios ainda não abriram os seus olhos, é sem sombra de dúvidas a venda pela internet.  

Com custos inferiores aos de uma loja ou estabelecimento físico, os recursos e possibilidades proporcionadas pela internet nos faz voltar as atenções e entrar de vez no mercado digital. 

O fato de presenciarmos uma tendência de alta não significa sair criando desesperadamente um negócio online da noite pro dia e tentar surfar a favor da maré. O comércio digital requer planejamento, engajamento, estratégia e muito trabalho. 

Nem todos os nichos de mercado estão aptos e sujeitos a aproveitarem as novas tendências de alta proporcionadas pela crise atual, como vimos no post anterior, a norte americana Airbnb sofre nos dias de hoje e quase perdeu tudo que construiu em pouco menos de algumas semanas, confira aqui os reais motivos que o levaram a quase falência. 

Compartilhar
Loading spinner
Avalie esta notícia
Comentar
Publicidade
Governo do Estado
Publicidade