Antagonistas, PT e PSL devem se juntar para derrotar grupo de Guilherme Landim em Brejo Santo - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Antagonistas, PT e PSL devem se juntar para derrotar grupo de Guilherme Landim em Brejo Santo
Felipe Azevedo

União estranha se forma em Brejo Santo. PT e PSL poderão estar juntos na chapa para derrotar o PDT, atualmente no poder. A informação foi confirmada pelo pré-candidato a prefeito pelo partido de Direita, Edmar Júnior, em entrevista ao Blog do Mateus Silva. A chapa inédita seria com Eusébio Ferreira (PT).

Edmar que já foi vice-prefeito, vereador e secretário municipal, minimiza a possível junção, e diz que em cidade menores os votos são para os candidatos, e não para os partidos.

Caso ocorra, a chapa PT-PSL ganha força de posições antagônicas no espectro político para derrotar o atual grupo do deputado Guilherme Landim (PDT). O partido governista ainda decide pela tentativa de reeleição da atual prefeita Teresa ou se optaria por Gislaine Landim, mãe de Guilherme.

Enquanto isso, Edmar – que já foi do grupo de Guilherme -, tece elogios ao Partido do Trabalhadores: “O PT irá embelezar e engrandecer uma coligação”, argumenta. Ele garante que a decisão teria o aval do deputado Heitor Freire, que deve comunicar à cúpula nacional do partido.

Compartilhar
Loading spinner
Avalie esta notícia
Comentar
*Publicidade