Há exatos 130 anos Padre Cícero tinha as ordens sacerdotais suspensas - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Há exatos 130 anos Padre Cícero tinha as ordens sacerdotais suspensas
O Site Miséria dá um mergulho na história de Juazeiro do Norte e lembra exatos 130 anos da suspensão das ordens sacerdotais do Padre Cícero Romão Batista
Demontier Tenório
Há 130 anos Padre Cícero tinha ordens sacerdotais suspensas (Foto: Reprodução)

O Site Miséria dá um mergulho na história de Juazeiro do Norte e lembra exatos 130 anos da suspensão das ordens sacerdotais do Padre Cícero Romão Batista. Foi no dia 5 de agosto de 1892 e, no dia seguinte, ele celebrava pela última vez num diz de muita tristeza e com a Igreja Matriz de Nossa Senhora das Dores repletas de fiéis. Muitos deles choravam diante daquela situação.

Por meio de portaria assinada pelo então bispo do Ceará, dom Joaquim Vieira, estava determinado a proibição de Padre Cícero de celebrar, confessar e pregar no então povoado do Juazeiro. Para muitos pesquisadores sobre a história de Padre Cícero e do Juazeiro, uma decisão arbitrária do chefe da igreja católica no Ceará. Provavelmente, enciumado com o prestígio e a força do nome do sacerdote.

Padre Cícero tinha 48 anos de idade e apenas 22 de sacerdócio. Dois anos e cinco meses antes começaram as ocorrências da transformação da hóstia em sangue na boca da beata Maria de Araújo. O fenômeno passou a atrair romeiros e curiosos de vários lugares do país e o Padre Cícero passou a ser admirado mesmo que a protagonista dos chamados “milagres em Juazeiro” tenho sido a beata.

Os dois foram proibidos de falar no assunto e comissões formadas pelo bispo dom Joaquim para averiguar tais ocorrências. A primeira considerou um “milagre divino” e foi destituída ante a insatisfação do bispo que formou outra comissão destinada a dar um veredito contrário ao inicial. Logo as perseguições começaram com a beata sendo espancada numa clausura e o Padre Cícero afastado da igreja.

Compartilhar
Comentar
*Publicidade