HRC já atendeu 24 mulheres vítimas de violência doméstica em 2021; em todo 2020 foram 17 - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
HRC já atendeu 24 mulheres vítimas de violência doméstica em 2021; em todo 2020 foram 17
O HRC afirmou que o número é considerado alto, visto que as vítimas precisaram de atendimento médico hospitalar de emergência após as agressões
Alan Clyverton
Fachada do Hospital Regional do Cariri (Foto: Guto Vital)

De acordo com informações do Hospital Regional do Cariri (HRC), até a última terça-feira (23), 24 mulheres vítimas de agressões físicas buscaram atendimento por meio da Emergência do hospital. De acordo com a unidade, que é referência em trauma na região, no ano passado, foram 17 atendimentos. Um aumento de 41%.

O HRC afirmou que o número é considerado alto, visto que as vítimas precisaram de atendimento médico hospitalar de emergência após as agressões. A unidade informou, ainda, que, muitas vezes, o atendimento é o primeiro buscado pela vítima e que por isso, em alguns casos, as notificações e os encaminhamentos para as autoridades são feitas pelo próprio HRC.

Amanda Leite, coordenadora do Serviço Social do HRC, afirmou que os trabalhadores de saúde conseguem reconhecer quando a lesão não é compatível com o relato da vítima e, nesses casos, é feita uma investigação por meio de entrevista para tentar descobrir se realmente a mulher sofreu agressão, mesmo que ela omita a informação.

“Nós temos 24 mulheres que precisaram de atendimento médico, mas nós não sabemos de fato quantas foram agredidas, quantas precisaram de atendimento e não tiveram, ou que continuam vivendo em um ambiente de violência”, afirmou Amanda.

Compartilhar
Loading spinner
Comentar
*Publicidade