Com 55,5% de aproveitamento, Ceará precisa ser mais eficiente - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Com 55,5% de aproveitamento, Ceará precisa ser mais eficiente
São três vitórias em nove partidas nesta temporada
Redação
Enderson Moreira se mostrou preocupado com o desempenho alvinegro. Foto: Thiago Gadelha

O Ceará vive um momento contraditório neste início de temporada. Ao mesmo tempo em que a tabela mostra que ele vai bem no Campeonato Cearense, onde é vice-líder da 2ª fase, com sete pontos, e na Copa do Brasil, na qual está na 3ª fase, o torcedor sente falta de melhores atuações e de mais vitórias.

O Alvinegro de Porangabuçu é a única equipe da Série A do Campeonato Brasileiro que ainda não perdeu na temporada. No entanto, em nove jogos disputados, são apenas três vitórias (duas pelo Estadual, contra Pacajus e Caucaia, e uma pela Copa do Brasil, contra o Bragantino/PA). Na outra competição que disputa, a Copa do Nordeste, pela qual enfrenta o Botafogo/PB, às 17 horas de hoje, na Arena Castelão, o time ainda não conseguiu nenhum triunfo. São quatro empates. O que ajuda a puxar o desempenho neste ano para baixo: apenas 55,5% de aproveitamento nos nove jogos disputados até então.

A situação, como um todo, preocupa o técnico Enderson Moreira, que falou à imprensa antes do confronto desta Quarta-Feira de Cinzas, e afirmou que o Vovô está perto de necessitar vencer para avançar nas competições.

“Quando você, de alguma forma, inicia a competição e deixa pontos para trás, você vai correr atrás. Uma coisa é você jogar para ganhar, outra é você ter obrigação de ganhar. A gente está chegando em um ponto de obrigação de ganhar e tudo é arriscado”, afirmou o comandante alvinegro, sobre o momento do Ceará na temporada.

Para a partida, Enderson Moreira deve colocar em campo a equipe principal, que não joga desde a classificação contra o Oeste, pela Copa do Brasil, na quarta-feira (19). Nesta partida, o Vovô conseguiu a vaga nos pênaltis.

Com isso, o time titular deve formar com Fernando Prass; Samuel Xavier, Klaus, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; William Oliveira, Charles e Vinicius; Mateus Gonçalves, Rodrigão e Rafael Sóbis.

Rodrigão deve ganhar uma nova chance como titular após a atuação diante do Caucaia, quando marcou o gol da vitória na partida pelo Campeonato Cearense.

O próprio Rodrigão se cobrou e disse que está trabalhando para crescer mais. Principalmente, depois do gol marcado. “Não é fácil ficar sem marcar gols. Então é ter cabeça fria e trabalhar muito que (o gol) acontece. Espero que continue assim até o fim da temporada”, declarou.

Botafogo/PB

O Belo virá a campo na Arena Castelão com uma formação bem diferente do que o torcedor paraibano costuma ver. O motivo é a ausência de quatro jogadores da equipe principal, todos machucados. Os meias Marcos Vinícius e Enercino e os atacantes Pimentinha e Kelvin estão entregues ao departamento médico.

O técnico Evaristo Piza estuda qual a melhor formação, mas tudo indica que ele deve montar um 4-3-3.

Diário do Nordeste

Compartilhar:
Comentar:
*Publicidade