Diante da torcida, Leão estreia no Estadual contra o Caucaia no PV - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Diante da torcida, Leão estreia no Estadual contra o Caucaia no PV
Partida marca a abertura da 2ª fase do Campeonato Cearense de 2020
Redação
O Fortaleza inicia hoje, no PV, a luta pelo bicampeonato cearense, estreando no Estadual contra o Caucaia já pela 2ª Fase FOTO: CAMILA LIMA

Enfim, o reencontro com a torcida. O Fortaleza iniciou a temporada de 2020 no dia 7 de janeiro, com atividade no CT Ribamar Bezerra. Após estrear fora de casa, o Leão tem a oportunidade de rever os tricolores hoje, em duelo diante do Caucaia, às 21 horas, no Estádio Presidente Vargas (PV).

A partida é o caminhar derradeiro na disputa pelo bicampeonato, afinal de contas se trata da abertura da 2ª fase do Campeonato Cearense. Na etapa em questão, o clube ficou fora ao lado do arquirrival Ceará enquanto a Raposa Metropolitana alcançou a 5ª posição, com uma vitória, cinco empates e uma derrota: aproveitamento de 38,1%.

O compromisso, então, é competitivo e tratado como oportunidade de provar a força do elenco. Sem peças de velocidade, apenas os atacantes Osvaldo e Romarinho, o técnico Rogério Ceni estuda mexer na formação e deve iniciar o duelo no esquema 4-4-2. O estudo é fundamental como preparação para o calendário competitivo que se aproxima, principalmente com a realização da Copa Sul-Americana.

Assim, o recém-chegado Michel, volante emprestado pelo Grêmio até o fim do ano, deve iniciar o jogo. Edson Cariús e Ederson também são cotados devido ao bom desempenho durante os treinamentos.

Em um dos jogos preparatórios na pré-temporada, o Leão enfrentou o próprio Caucaia no Centro de Excelência para ganhar ritmo. O teste foi vencido por 7 a 0, com gols de Edson Cariús, Ederson, Tinga, Felipe, Marlon, Wellington Paulista e Paulão.

O resultado prévio, no entanto, não reflete a dificuldade que será a partida no PV. Hoje, o Fortaleza tem um jogo na conta: 0 a 0 com o Vitória/BA pela Copa do Nordeste. Apesar do entrosamento angariado na campanha de 2019, o processo de maturação do ritmo e das táticas desenvolvidas está apenas começando.

“Muitos dos adversários, por saber como jogamos, vão vir com uma linha de frente mais alta para nos surpreender, mas também estamos treinando outros tipos de saída e movimentação para que a gente tenha uma carta na manga para surpreender, porque não vamos mudar nosso jeito de jogar”, explicou o goleiro Felipe Alves, que não foi garantido entre os titulares.

Em 2019, Ceni optou por um sistema de rodízio, com Marcelo Boeck atuando no Nordestão e Felipe Alves no Campeonato Cearense. A definição de um arqueiro foi realizada para a 1ª divisão.

Dono da casa

Atual campeão da Taça Fares Lopes e da Série B Cearense, o objetivo do Caucaia é de consolidação no cenário local. Com vaga assegurada na Copa do Brasil de 2020, a equipe anseia pela semifinal para se garantir na Série D do Brasileiro do ano que vem.

Como os cartões serão zerados pelo regulamento da Federação Cearense de Futebol (FCF), o time do treinador Marcinho Guerreiro tem o plantel à disposição. A aposta é no 4-4-2 clássico, com o zagueiro Ciro Sena liderando a defesa e o meia Paulinho na armação das jogadas ofensivas.

Ficha Técnica:

Campeonato Cearense – 2ª fase
Presidente Vargas (PV), 21h
28 de janeiro

Árbitro: Junior Rodrigues
Assistente 1: Nailton Oliveira
Assistente 2: Marco Aurélio
Quarto árbitro: Glauco Feitosa

Caucaia

Ricardo, Matheus Sousa, Tulio, Ciro Sena, Iury, Mateusinho, Jackson Caucaia, Jonatan, Paulinho “P10”, Thiaguinho, Brunão
Técnico: Marcio Guerreiro

Fortaleza

Marcelo Boeck, Tinga, Jackson, Paulão, Carlinhos, Derley, Nenê Bonilha, Michel, Mariano Vázquez, Ederson e Edson Cariús
Técnico: Rogério Ceni

Diário do Nordeste

Compartilhar:
Comentar:
*Publicidade