Em Juazeiro, prefeito Arnon toma medidas para enfrentar coronavírus - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
e-Política

Madson Vagner

Jornalista e escritor. Madson Vagner atua como diretor de jornalismo e comentarista da Rádio 100 FM e colunista político do Jornal do Cariri. É correspondente colaborador dos jornais O Estado de S. Paulo e O Globo do Rio. Faz parte dos quadros de autores da Editora Novo Século.

e-Politica

Madson Vagner

Jornalista e escritor. Madson Vagner atua como diretor de jornalismo e comentarista da Rádio 100 FM e colunista político do Jornal do Cariri. É correspondente colaborador dos jornais O Estado de S. Paulo e O Globo do Rio. Faz parte dos quadros de autores da Editora Novo Século.

Em Juazeiro, prefeito Arnon toma medidas para enfrentar coronavírus

A Prefeitura de Juazeiro do Norte está promovendo uma série de reuniões com as secretarias municipais, instituições e outros segmentos da sociedade, para discutir ações de combate ao novo coronavírus (Covid19). Na segunda-feira (16), a Prefeitura lançou um plano de ação para prevenir a disseminação do vírus e na terça-feira (17) anunciou a suspensão das atividades referentes a Romaria de aniversário do Padre Cícero, que aconteceria de 20 a 24 deste mês.

O ciclo de romarias está entre as maiores preocupações da administração do prefeito Arnon Bezerra (PTB). A romaria recebe, em média, 350 mil romeiros. Em entrevista ao Jornal do Cariri e a Rádio Plus FM, Arnon disse que a administração está se preparando para o pior.

“Nós, em particular, que recebemos muitos romeiros, precisamos ter uma atenção redobrada. Muitas vezes, é a falta de conhecimento que nos leva a correr os riscos, não enfrentando adequadamente, e recebendo uma maior carga de transmissão”, avalia Arnon.

Na sexta-feira (13), uma reunião na Secretaria de Educação, escolhida pelo seu potencial de atingir um grande número de pessoas, iniciou o trabalho de orientação. “Temos uma população estudantil que chega a 34 mil alunos e mais os professores que vão fazer a formação. A ideia é levar a mensagem a todo o Juazeiro do Norte”, garante Arnon.

Além da Secretaria, a Prefeitura já se reuniu com segmentos da sociedade, como a Diocese. “Conversamos com o senhor bispo (dom Gilberto Pastana) e todos tem a mesma preocupação. Estamos preocupados porque é algo que se apresentava como uma virose, na Ásia, e que dificilmente chegaria aqui. Mas ganhou uma proporção tamanha, que ninguém deve ficar alheio a essa situação”, disse Arnon.

A Secretaria de Saúde separou leitos no Hospital São Lucas para receber casos graves de infecção pelo coronavírus. “Sabemos que, por mais que a gente tenha esse cuidado, os leitos não serão suficientes. Esperarmos que não seja preciso fazer qualquer internação,” concluiu Arnon.

Compartilhar:
Comentar:
Publicidade
Governo do Estado
Publicidade