Esporte
"Motivo econômico"
Clubes vetam árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro de 2018
Compartilhar

Por motivo econômico, não haverá árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro de 2018 (Foto: Reprodução)

Em 05/02/2018 às 17:15
Publicidade

Por motivo econômico, não haverá árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro de 2018. A decisão foi tomada por representantes dos 20 clubes da Série A em reunião do Conselho Técnico da competição, realizada nesta segunda-feira na sede da CBF, no Rio de Janeiro.

A CBF queria que os clubes pagassem pela implantação da tecnologia, que corrige marcações e dúvidas da arbitragem em determinados tipos de lances. O custo estimado para os 380 jogos da Série A era de R$ 20 milhões.

Publicidade


Vetar foi uma decisão da maioria, pelo custo elevados para os clubes. Para cada clube, (o árbitro de vídeo) custaria R$ 500 mil apenas para o segundo turno, ou R$ 1 milhão para o campeonato inteiro. Decidimos esperar a observação na Copa do Mundo e talvez implantar no Brasileiro do ano que vem – explicou Alexandre Campello, presidente do Vasco.

No entanto, haverá árbitro de vídeo a partir das quartas de final da Copa do Brasil.

 

globoesporte


Compartilhar

Publicidade
Mais do Site Miséria
Publicidade

Enquete
Você acredita no bom desempenho do Guarani e do Barbalha no Campeonato Cearense Série A?

Qual seu sexo?

timelineResultado Parcial
TV Miséria
Humor