Cid Gomes nega possibilidade de ser candidato ao Governo do Ceará: "Não passa de especulação" - Site Miséria 

Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Política

Viviane Bastos

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Cariri (UFCA); trabalhou na TV Verde Vale e hoje é âncora na Plus FM.

Política

Viviane Bastos

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Cariri (UFCA); trabalhou na TV Verde Vale e hoje é âncora na Plus FM.

Cid Gomes nega possibilidade de ser candidato ao Governo do Ceará: “Não passa de especulação”
Declaração foi dada ao colunista Carlos Madeiro, do portal Uol
'Uma molecagem', diz Cid Gomes sobre operação da PF na qual é citado
Cid Gomes é senador pelo PDT do Ceará (Foto: Agência Senado)

Até o início de julho, as especulações acerca da escolha do nome a ser lançado candidato ao Governo do Ceará pelo PDT devem se intensificar. Neste domingo (27), o portal Uol divulgou que o ex-governador e atual senador Cid Gomes (PDT) negou, por meio da assessoria de imprensa, que exista a possibilidade de ser lançado para concorrer ao cargo. “Não passa de especulação”, afirmou a assessoria.

As suposições sobre nomes além de Izolda Cela, Roberto Cláudio, Evandro Leitão e Mauro Filho, surgem após o impasse para a escolha dos quatro pré-candidatos da sigla. Apesar da indefinição, pelo menos, foi amenizado o desconforto gerado entre os nomes em um evento do PDT realizado na capital há mais de uma semana.

Leia mais: Disputa interna no PDT se torna cada vez mais acirrada 

Uma nota da bancada da legenda da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (AL-CE) reiterou a unidade do partido.

O texto – datado de 21 de junho, assinado pelo líder da sigla na Casa, Guilherme Landim, pelo presidente da AL-CE, Evandro Leitão, além dos deputados Salmito Filho, Tin Gomes, entre outros – defendeu que o nome a ser escolhido terá o apoio dos parlamentares.

Enquanto a atual governadora é nome defendido pelo ex-governador Camilo Santana (PT), José Guimarães e Eunício Oliveira (MDB) – esses últimos já afirmaram que Cela é a única possibilidade para que os partidos mantenham apoio, caso contrário lançarão candidaturas próprias – o ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio é o nome favorito do presidenciável Ciro Gomes e do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi. Ainda ao portal Uol, Cid Gomes preferiu não se posicionar sobre o cenário e permanece em silêncio.

PT aguarda decisão até 2 de julho

Na última quarta-feira (22), o vice-presidente nacional do PT, deputado José Guimarães reafirmou que a aliança só será mantida se Izolda Cela for o nome lançado pelo PDT. “Já apresentamos um caminho (…) é natural que ela seja a candidata à reeleição”, declarou Guimarães.

O partido disse ainda que espera até o dia 2 de julho pela decisão. Na data, será realizado o encontro estadual da sigla.

Compartilhar
Avalie esta notícia
Comentar
Publicidade