Terça-feira
13 de Novembro de 2018
Publicidade
Publicidade
Terça-feira, 13 de Novembro de 2018
Publicidade
Publicidade
Na Zona Oeste do Rio

Homem é executado dentro de ambulância em frente a hospital

Em 04/02/2018 às 09:20
Compartilhar
Criminosos interceptaram ambulância e executaram paciente (Foto: Reprodução/ G1)

Um homem foi morto metralhado dentro de uma ambulância na porta do Hospital Albert Schweitzer, em Realengo, na Zona Oeste do Rio, por volta das 23h40 deste sábado (3). Mikael Barbosa da Cruz estava recebendo atendimento, quando criminosos ordenaram que os profissionais saíssem da ambulância e efetuaram os disparos. Mais de 15 tiros atingiram a vítima e o veículo.

Desde sexta-feira (2), pelo menos oito pessoas foram assassinadas na Região Metropolitana do Rio. No sábado, operações da Polícia Militar deixaram quatros mortos no Complexo do Chapadão, na Zona Norte, e na Cidade de Deus, na Zona Oeste. Desde sexta-feira (2), chegou a 15 o número de baleados no Rio.

Por volta das 17h de sábado, PMs balearam dois suspeitos no Chapadão durante troca de tiros. Um deles morreu e o outro está no Hospital Carlos Chagas. Com eles foi apreendido um fuzil calibre .556, dois carregadores do mesmo fuzil, radiocomunicadores e drogas.

De acordo com a PM, na sexta-feira (2), três suspeitos já tinham sido baleados na comunidade. Willians Paulo Sousa de Almeida, de 24 anos, Pablo Ferreira de Oliveira, de 19, e Vademir Souza da Conceição, de 20, foram levados ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, mas não resistiram aos ferimentos e morreram.

Em outro confronto, na Cidade de Deus, um suspeito foi baleado e morreu. A PM prendeu quatro homens e apreendeu uma pistola e drogas.

G1

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
Quer reproduzir nosso conteúdo no seu blog ou site? Estabeleça uma parceria clicando aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira