Política

Coluna

Curtas da Política por Donizete Arruda


10/01/2014 às 13:45 Donizete Arruda
Jornalista Donizete Arruda. (Foto: Agência Miséria)
Publicidade

CID DEVE SAIR DE FÉRIAS

A contragosto, o governador Cid Gomes tem sido pressionado por seus mais próximos assessores e familiares para que tire, pelo menos, uma semana de férias ainda neste mês de janeiro. Cid resiste e desistiu de cumprir agenda oficial, que começava neste sábado, nos Estados Unidos. Quem o irá representar será o secretário Alexandre Pereira. Sobre a proposta de descanso, o governador alega querer concluir e entregar todas as 500 obras em andamento e, assim, não ter prazo e nem tempo a perder. A questão é que o ano de 2014 promete ser duro e com uma campanha eleitoral para o Governo e o Planalto. Daí, a sugestão dos colaboradores para que Cid cuide da saúde, fazendo essa parada. Apesar de não ter se decidido, o governador deve ter férias.

RETORNO

Quem regressou dos Estados Unidos, onde permaneceu nos últimos 10 dias em descanso, foi o vice- -governador Domingos Filho. Esperava assumir o Governo amanhã, mas só deverá ficar à frente do Abolição na segunda quinzena de janeiro. Discrição será, mais uma vez, sua norma.

SEM MORAL

Um dos motivos do rompimento do prefeito de Aiuaba, Airton Araújo, com o seu padrinho Ramilson Araújo é inusitado. Quem administrava a cidade era o ex-prefeito Ramilson, que se recusava a, inclusive, pagar o salário de prefeito a Airton. Em um ano de mandato, Airton só recebeu três meses.

EXPLICANDO

Airton Araújo era um “pau mandado” de Ramilson. Eleito, não punha os pés na Prefeitura. Quem governou, durante todo o ano de 2013, a cidade de Aiuaba foi Ramilson. Em troca, Airton tinha direito ao salário de prefeito. Ocorre que, por mesquinhez, Ramilson não quis pagar a Airton.

PRESTAÇÃO

Ramilson Araújo, no dia do pagamento do salário do prefeito de Aiuaba, Airton Araújo, ligava e mandava que ele fosse à Prefeitura. Lá, Airton recebia 10%, em outro dia 50%, noutro nada. A soma de 12 meses representa que Airton só teve direito a embolsar a três meses de salário.

VIREI HOMEM!

Laranja assumido e sem direito a receber sequer o salário de prefeito, Airton Araújo resolveu se rebelar. Foi até à Prefeitura e anunciou ao padrinho Ramilson: "A partir de hoje, estou assumindo a prefeitura. Quem vai mandar em tudo sou eu". Ramilson nem levou a sério as ameaças.

CASO DE POLÍCIA

Ao perceber que Airton Araújo não aceitava sua tutela, Ramilson ficou irado. Seus familiares resolveram tratar do assunto a bala. Foram até a casa de Airton e avisaram ao seu pai: ou ele volta a ser capacho de Ramilson ou morre. Airton pagou para ver e rompeu, definitivamente.

NOVA FORTALEZA

O prefeito Roberto Cláudio fala sério quando diz que não é candidato ao Abolição. Depois de um ano de administração, apagando os rastros de uma complicada herança, Roberto espera, em 2014, começar a colher os resultados dos investimentos que estão sendo feitos na saúde e, principalmente, em mobilidade urbana.

FORTALEZA FELIZ

Consciente de que a aprovação de sua administração alcançará os melhores índices justamente no ano de 2016, quando irá disputar a reeleição, o prefeito Roberto Cláudio trabalha para dotar Fortaleza de um planejamento estratégico que faça o fortalezense resgatar a sua auto-estima, tão maltratada nos últimos tempos.

DESCULPE A IGNORÂNCIA, o Ministério Público não deveria se envolver nessa briga de Aiuaba?



 
Publicidade

Deixe seu comentário





UTILIDADES PÚBLICAS

CORPVS
CORPVS

ENQUETE

Saneamento Básico ou Asfalto? Que obra você prefere na sua cidade? Comente!

  • Qual seu sexo?