Sábado
17 de Novembro de 2018
Publicidade
Publicidade
Sábado, 17 de Novembro de 2018
Publicidade
Publicidade
Candidato

Alckmin promete que governo pagará metade do gás de famílias mais pobres

Em 03/09/2018 às 12:30
Compartilhar
(Foto: Reprodução/ Terra)

O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, prometeu nesta segunda-feira que, se eleito, o governo federal arcará com metade do preço do botijão de gás para 8,3 milhões de famílias carentes, a um custo anual de 2 bilhões de reais.

"Nós vamos pagar metade do valor do gás de botijão. Vamos estabelecer uma forma de fazê-lo e metade do valor do gás de botijão será pago pelo governo. Para quem? Para todas aquelas famílias que estão na tarifa social de energia elétrica", disse o tucano a jornalistas após participar de reunião de seu programa de governo no centro de São Paulo.



"Vai ficar em menos de 2 bilhões de reais. E aí vem a pergunta, de onde vem o dinheiro? Nós vamos fazer um ajuste fiscal muito forte. O que tem de espaço no governo para poder cortar gastos é enorme na área federal", assegurou Alckmin, que tem prometido zerar em dois anos o déficit primário, atualmente na casa dos 140 bilhões de reais.

A elevação do preço do gás de cozinha, consequência da elevação da cotação do petróleo no mercado internacional, tem sido uma das principais reclamações das famílias, e muitas delas têm recorrido à lenha para cozinhar.

"Governar é escolher. Nós temos ainda uma população muito pobre que precisa do apoio e a melhor maneira de fazê-lo é garantindo a ela uma alimentação de melhor qualidade, os insumos básicos, aquilo que é essencial para a família."

Terra

Publicidade
Compartilhe
Comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
© ACONTECEU, TÁ NO MISÉRIA
Quer reproduzir nosso conteúdo no seu blog ou site? Estabeleça uma parceria clicando aqui.
Desenvolvido por Kleber Ferreira